fevereiro 28 2024 0Comment

Confira dicas para implementar segurança em condomínios

A segurança é prioridade quando se trata da vida em condomínio, sendo o fator principal que leva cerca de 69% das pessoas a morar neste tipo de empreendimento, segundo pesquisa realizada pela Real Time Big Data.

No entanto, estar seguro requer responsabilidade, dedicação e principalmente respeito às regras por parte de todos: condôminos, funcionários do condomínio e prestadores de serviços.

Caso aconteçam falhas nos protocolos de segurança em condomínios, atos criminosos podem ocorrer e colocar a vida de todos em risco.

Segundo a Polícia Civil, por exemplo, nos primeiros 100 dias de 2022, mais de 10 pessoas foram presas em flagrante e outras 16 foram presas de forma temporária ou preventiva devido a assaltos e invasões em condomínios.

No geral, os condomínios brasileiros apresentam algumas vulnerabilidades em comum: 

  • Colaboradores mal treinados
  • Falta de recursos tecnológicos
  • Regras não cumpridas por moradores
  • Falta de um plano de segurança eficiente
  • Falta de definição de regras para garagem

Por isso, é necessário se valer de todas as regras e tecnologias possíveis para cuidar da segurança em condomínios.

Continue a leitura e confira o que pode ser feito.

Como aumentar a segurança em condomínios residenciais?

SISTEMAS DE SEGURANÇA

Atualmente, a tecnologia e a inteligência artificial têm sido aliadas para a segurança em condomínios, oferecendo diversas ferramentas que podem contribuir para a proteção das pessoas e do patrimônio. Segundo o Código Civil, é dever do síndico adotar medidas que zelem pela segurança das pessoas e do condomínio.

Algumas dessas ferramentas são:

  • Câmeras de Segurança

Evitam possíveis ações de pessoas mal intencionadas e auxiliam em diversos casos, como em perdas de objetos. Essa solução pode ser por monitoramento em tempo real ou em capturas e gravações de imagens externas e internas do condomínio.

  • Cercas Elétricas

Ideal para evitar a invasão por cima de muros que não contam com a vigilância dos porteiros.

  • Alarmes

Essa solução clássica em segurança é muito eficaz para inibir a ação de invasores.

  • Portaria Eletrônica

Solução de alto investimento, indispensável para a comunicação interna e externa do condomínio, facilitando o diálogo entre a portaria e os moradores, além da entrada e saída de visitantes.

  • Portaria Remota

Substitui a presença do porteiro por um gerenciamento à distância via uma central de monitoramento que controla o acesso de pessoas através das câmeras de segurança 24 horas por dia.

  • Fechaduras Eletromagnéticas

Solução que libera a entrada e saída de pessoas por botão ou senha, que pode ser instalada em portas de madeiras, vidro ou aço.

SAIBA MAIS -> Principais soluções em segurança para o seu condomínio 

CUIDADOS DE MORADORES E FUNCIONÁRIOS

Moradores e funcionários de condomínios não podem confiar apenas nos sistemas tecnológicos de segurança para se sentirem seguros. Assim como em qualquer outro lugar, é necessário prestar atenção ao redor e tomar atitudes que contribuam para a proteção de todos.

Confira o que pode ser feito pela segurança em condomínios por quem frequenta o empreendimento:

  • Manter a porta do seu apartamento sempre trancada
  • Ficar atento a movimentações suspeitas ao entrar e sair do condomínio
  • Não ficar conversando na entrada do condomínio, principalmente à noite
  • Ao fazer uma festa, enviar a lista dos convidados, com antecedência, para a portaria
  • Não liberar a entrada de entregadores e ir até a portaria para receber encomendas
  • Avisar o porteiro, com antecedência, sobre a visita de prestadores de serviços ou visitantes
  • Fechar o portão ao entrar ou sair do condomínio (mesmo que tenha outra pessoa aguardando na portaria e você não sabe se é morador)

PROTOCOLOS DE SEGURANÇA

Uma das principais formas de aumentar ou manter a segurança em condomínios é manter os protocolos sempre atualizados. Assim, caso algum imprevisto aconteça, o protocolo pode ser colocado em ação para proteger a todos.

Por exemplo, em caso de incêndio ou enchente, o que os moradores devem fazer? 

Este tipo de informação deve estar disponível para todos e ser discutida periodicamente nas assembleias condominiais. 

CONTRATE PROFISSIONAIS DE SEGURANÇA ESPECIALIZADOS

A segurança é o principal motivo pelo qual as pessoas vão morar em condomínio, lembra? Portanto, os moradores esperam que a equipe de segurança seja profissional e bem treinada para estar sempre pronta para qualquer imprevisto.

Neste caso, também cabe aos moradores investir financeiramente na contratação de profissionais especializados para que a segurança em condomínios esteja sempre assertiva e livre de qualquer risco.

SEGURO CONDOMINIAL

Quando falamos sobre segurança em condomínios, não podemos nos ater apenas a sistemas tecnológicos e aos comportamentos dos moradores que podem inibir crimes. Também devemos falar seguro condominial!

Segundo o Artigo 1.346 do Código Civil: “É obrigatório o seguro de toda a edificação contra o risco de incêndio ou destruição, total ou parcial.”

O seguro condominial é uma proteção que resguarda a infraestrutura do imóvel e suas áreas comuns, sendo que a contratação é uma obrigatoriedade do síndico. 

SEGURANÇA COLABORATIVA

A segurança colaborativa é um modelo de proteção patrimonial, que visa uma ação integrada entre as pessoas e a tecnologia, como uma rede de vigilância e compartilhamento de informações.

Assim, essa cooperação entre as pessoas e a tecnologia permite prevenção e redução da criminalidade em um bairro.

SAIBA MAIS -> Segurança Condominial: como intensificar os cuidados em seu condomínio

A segurança em condomínios é uma ação contínua, para garantir a proteção da comunidade e um dia a dia de tranquilidade para os moradores e todos que frequentam o condomínio.

zangari

Mais do que administrar seu patrimônio. Cuidamos do seu bem estar.